Cerimônia Religiosa

Não percam nossa linda e emocionante cerimônia religiosa. Contamos com você para ser ainda mais especial!

Como todos devem saber, somos judeus e por isso a cerimônia religiosa seguirá todos os costumes do judaísmo. Por esse motivo, resolvemos colocar uma breve explicação dos principais costumes para que todos entendam tudo.

Talvez você nunca tenha ido a um casamento judaico,mas, com certeza, já ouviu falar de algumas tradições que acontecem durante a cerimônia. Todas elas (todas mesmo) possuem uma simbologia especial.

A semana do casamento

Na semana anterior ao casamento os noivos não se veem e não se falam (não vale nem WhassApp!)

O vestido

Não muito diferente de outros estilos de casamento, o vestido da noiva deve ser branco - cor da pureza - já que todos os pecados são perdoados no grande dia.

O local da cerimônia

A cerimônia é realizada na chuppah. É um tipo de "tenda" que representa o novo lar que os noivos vão construir juntos. Ela é uma proteção que representa a benção infinita de Deus e a harmonia conjugal. O momento é realizado por um rabino, líder representante da religião.

Kipa

Durante o casamento todos os homens devem usar o kipa - aquele chapeuzinho em forma de circunferência. Ele representa que Deus está acima de nós, acompanhando todos os nossos atos.

A entrada da noiva

A noiva entra com o rosto descoberto e, assim que chega ao altar, o noivo cobre-a com o véu antes de eles entrarem na chuppah.

Sete voltas

No início da cerimônia, a noiva da sete voltas ao redor do noivo. Isso faz referência aos sete dias da criação do mundo. Quando o ritual termina, ela se posiciona ao lado direito do futuro marido, em sinal que sempre estará ao seu lado para o que der e vier.

As alianças

Esse é o ponto clímax da celebração judaica. A troca das alianças é um ato de santificação. A partir do momento que o noivo coloca o anel no dedo da noiva, eles já são considerados casados. E mais, a aliança deve ser colocada na mão mais forte da noiva - seja ela canhota ou destra.

Quebra do copo

Essa é famosa! No fim da cerimônia, silêncio total. O noivo quebra com o pé direito um copo para lembrar a destruição do Templo de Jerusalém. O vidro representa a reconstrução e o ritual simboliza que o homem é mortal.

E depois disso... MAZAL TOV!!!!